Clipping 29/07 + Cultura

Quarta Feira – 29 de julho – Há 21 anos, morria Antônio Carlos Bernardes Gomes, mais conhecido como Mussum.

Fala galere!

Por conta de alguns imprevistos ontem, não conseguimos liberar o Clipping. Então, hoje postaremos a coluna do Gui que era pra ter saído ontem e a do Ian fica pra amanhã, beleza?

Bora pras notícias!

 

Discursos

Como está enfrentando uma popularidade mais baixa que as novelas de Helenas do Manoel Carlos, Dilma busca formas de se tornar mais pop.

-Da esquerda pra direita: Helena, Helena, Helena, Helena e Helena-

-Da esquerda pra direita: Helena, Helena, Helena, Helena e Helena-

Assim, a presidente lançou duas novidades nesta semana para tentar se aproximar dessa turminha descolada que habita as redes sociais. A primeira ferramenta é o portal Dialoga Brasil que permite aos xófens enviar sugestões para o governo. A segunda novidade é uma série de curtos vídeos que Dilma está publicando no Facebook (veja a página aqui). O primeiro deles já está no ar e nele, Dilma, com toda sua graça e simpatia, parabeniza os nossos atletas pelas conquistas do Pan. A grande vantagem desses vídeos é que o roteiro é feito pelo marketeiro de Dilma, João Santana, e podem ser regravados, editados, cortados e cancelados. Isso evita situações como a ocorrida ontem, quando Dilma, discursando ao vivo do Palácio do Planalto resolveu falar sobre criação de vagas no Pronatec Aprendiz e começou a discorrer acerca do tema “metas”. Como sou incapaz de explicar o teor de seu pensamento, reproduzo a fala de nossa presidente para que você mesmo avalie:

“Não vamos colocar meta. Vamos deixar a meta aberta mas, quando atingirmos a meta, vamos dobrar a meta” ROUSSEFF, Dilma.

Não entendeu? Veja o vídeo abaixo. Talvez ajude:

Omar Morreu

A principal agência de inteligência do Afeganistão informou hoje que Mohammad Omar, líder do grupo terrorista Taleban, morreu em 2013 em um hospital do Paquistão.

“Aeeeee! Um terrorista treta a menos! Uhuuul!”

Calma lá Voz do Além. Nada nesses países cabulosos do oriente médio é fácil e a morte de Omar pode significar, na verdade, uma complicação para o processo de paz na região.

“Você tá me tirando!”

Falando sério. O Afeganistão está se dedicando a conseguir um acordo de paz com o Taleban, mas a morte de Omar pode acabar fazendo o grupo se dividir, o que dificultaria ainda mais as negociações. Falando nisso, daqui a poucos dias começa mais uma rodada de negociações entre o governo afegão e o Taleban. Vamos torcer pro bagulho não desandar.

Windows

A Microsoft começou a liberar hoje a atualização gratuita para o Windows 10 (que voltou a ter a barra de “iniciar”!), seu novo sistema operacional. Para receber esta atualização, seu computador precisa preencher estes pré-requisitos. Caso preencha, é só aguardar algumas semanas que em um belo dia vai aparecer um balãozinho lá perto do relógio dizendo que o seu computador está pronto para o upgrade. Mas fique esperto, além das configurações da máquina serem aquelas do link, você também precisa estar utilizando uma versão válida do Windows 7, 8 ou 8.1. Se você ainda é um saudosista que usa o XP ou um masoquista que usa o Vista, vai precisar comprar uma licença (o preço ainda não foi divulgado no Braisl, mas, nos EUA, a versão Home custa 119 dólares).

“Ah mas eu uso Mac”.

Nossa, que bom pra você! Seu otário.

 

-E o lixinho ficou mais quadrado-

-E o lixinho ficou mais quadrado-

Datena

A notícia é curta e curiosa: José Luiz Datena, o Datena, acaba de anunciar sua pré-candidatura para concorrer ao cargo de prefeito da cidade de São Paulo pelo Partido Progressista (PP), o partido do dr. Paulo Maluf. Nos partidos políticos, os caras se anunciam como pré-candidatos para que os demais membros escolham quem será o candidato oficial durante as eleições. Como o PP não pretende ter mais nenhum pré-candidato, muitos já dão como certo que Datena será candidato em 2016. Je-sus.

-se depender do quesito "sensualidade", ele já ganhou-

-se depender do quesito “sensualidade”, ele já ganhou-

Cultura

Série especial – As 13 Maiores Guerras (afinal, eles lutaram por alguma coisa, né?)

por Guilherme Rodrigues

 

As cruzadas: os cristão e os mouros

A Idade Média na Europa é muitas vezes chamada de Idade das Trevas. Isso nos leva a pensar que durante essa época nada aconteceu e vivemos em um mundo negro dominado totalmente pela ignorância. Pense de novo, meu bem. A verdade é que, durante este período, muito aconteceu e nós devemos muito da nossa história ocidental à Idade Média, inclusive em questão da transmissão de textos antigos.

Um dos ocorridos mais famosos para nós descendentes dos ibéricos (Portugal e Espanha hoje) é o que se conhece como a Reconquista e a batalha contra os Mouros. O império mouro (que também são conhecidos hoje como os antigos muçulmanos) ficou renomado durante a Idade Média como uma força avassaladora, dominando todo o norte da África – conhecido hoje como a África Branca (e por isso boa parte é muçulmana) -, a Arábia e também parte da Europa em que se encaixa: Ásia Menor e, claro, a Península Ibérica (Portugal e Espanha).

-área conquistada pelos Mouros (muçulmanos)-

-área conquistada pelos Mouros (muçulmanos)-

A Reconquista foi um movimento liderado por forças de diversos feudos para retomar o domínio do território ibérico dos mouros. Não só isso, mas, quando a cidade de Toledo foi retomada em 1085 d.C., o papa Urbano II, que reconhecia seu domínio católico dos antigos ibéricos, pregou um sermão dez anos depois que muitos historiadores acreditam ter começado o que se conheceu como Cruzadas. Uma onda de campanhas militares de francos e ibéricos, então, foram instauradas contra os mouros, em última instância, para retomar a Terra Sagrada do controle mouro.

Cruzados chegando em Jerusalém - Domenico Paradisi - 1732-9

Cruzados chegando em Jerusalém – Domenico Paradisi – 1732-9

Consideradas por muitos divinas, as campanhas das Cruzadas envolviam batalhas sangrentas ao longo do caminho. O que se queria, supostamente, era acesso a um santuário associado à vida de Jesus Cristo, o Sepulcro Santo em uma igreja de Jerusalém. Neste lugar, aparentemente, o messias teria sido enterrado. Aos cruzados (como se chamava quem ia para as campanhas) era prometido glória eterna e expiação dos pecados quando chegassem e dominassem a Terra Santa.

Nas Primeiras Cruzadas, as campanhas chegaram a Jerusalém com a ajuda de cavaleiros do império Bizantino e também cristãos da Armênia, avançando pelo território da atual Turquia e Síria. O território foi, então, cercado e dominado em 1099 d.C., onde os cruzados estabeleceram igrejas e castelos leais à “Igreja de Roma.” Durante esta época de domínio latino, muitos artistas de diferentes tradições se encontravam na Terra Sagrada, o que faz que muitos achados arqueológicos demonstrem uma combinação da estética islâmica com a cristã.

cavaleiro medieval em ouro (século XIII)

cavaleiro medieval em ouro (século XIII)

Entre 1147 e 1149, porém, o abade francês Bernardo de Claraval liderou mais uma campanha para dominar Damasco na Síria. O que ficou conhecido como as Segundas Cruzadas foram um fracasso, pois os mouros tinha já se reagrupado. O líder muçulmano صلاح الدين يوسف بن أيوب (conhecido pelo cristãos como Saladino, se você não sabe ler árabe), nada feliz com o domínio da Terra Sagrada, avançou contra Jerusalém e os cristãos retomando a cidade em 1187. Acredita-se, ainda, que Saladino deixou o patriarca de Jerusalém sair da cidade com o tesouro da igreja, falando sobre sua benevolência.

Saladino e Guy de Lusignan após a batalha de Hattin - Said Tahsine - 1954

Saladino e Guy de Lusignan após a batalha de Hattin – Said Tahsine – 1954

Os cruzados ainda tentariam mais uma vez a retomada da Terra Sagrada, porém, conseguindo somente dominar o Chipre e uma cidade próxima de Jerusalém chamada Acre. Ao final destas Terceiras Cruzadas, Saladino permitiu que andarilhos e passantes acessassem a Terra Sagrada, inclusive também concedendo a volta dos judeus à cidade. As crônicas escritas na época falam de guerras travadas entre os francos (os católicos) e os muçulmanos enquanto o povo vivia em paz.

Enquanto o tempo avançava, os bizantinos ficavam cada vez mais em tensão contra os francos e as outras forças católicas. Durante as Quartas Cruzadas, então, os dois grupos entraram em conflitos, levando os cruzados (que iam para o Egito) a cercarem a cidade de Constantinopla (na Turquia) em 1202 d.C. para tomarem riquezas prometidas para eles.

Muitas outras Cruzadas aconteceram ainda durante o século XIII, mas as suas circunstâncias são remotas e pouco conhecidas. O que sabemos é que não é de hoje a batalha dos povos pela Terra Sagrada, e, talvez não acabe tão cedo.

No mundo do entretenimento, as referências mais recentes (e famosas) a todo o universo das cruzadas são o filme “Cruzada” de 2005 com Orlando Bloom no papel principal, e o primeiro jogo da série Assassins Creed, que se passa justamente nas cidades de Jerusalém, Acre e Damasco.

 05625b51e9624e1f90cc0199c9b25452

Esta é a 4ª edição de uma série especial sobre as 13 Maiores Guerras (Afinal eles lutaram por algum motivo, né?). Confira as edições anteriores nos links abaixo!

Na semana que vem: Guerra dos 100 anos!

 

 

Guilherme Rodrigues é Corinthiano, mas mesmo assim estudou no ensino superior e é professor de língua portuguesa e literatura, e ainda curte apreciar uma arte por aí. Escreve para o Clip13 toda terça.

 Momento Relax

ofensas-dilma

Gostou e quer receber os próximos clippings?

Cadastre seu email em nosso Blog – http://www.clip13.wordpress.com

Curta nossa página no Facebook – facebook.com/cliptreze

Nos siga no Twitter – @Cliptreze

Ou mande um email para noticias.clip13@gmail.com !

O Clip13 é uma ferramenta para divulgar as notícias de forma rápida e divertida. Para maiores detalhes ou para conferir a fonte de cada notícia, basta clicar no título e você será redirecionado para a página original. Crédito das imagens: 1, 2, 3, 4, 5

Anúncios

Deixe seu comentário...

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s